sábado, 19 de agosto de 2017

Você foi abduzido e não sabia


Olá amigos da máquina de mistérios eu sou Carlos Moreira e hoje faço um breve relato sobre abdução, você sabia que um dia você poderá ser abduzido, se é que ainda não foi e não sabe? Preste atenção para não sumir.

Ilustração do suposto fenômeno de abdução

Em um contexto de ufologia, o termo abdução é usado para descrever, relatar, afirmar ou simplesmente levantar a hipótese de raptos, desaparecimentos temporários ou memórias supostamente reais de pessoas que teriam sido levadas secretamente, contra a própria vontade ou não, por entidades aparentemente não humanas ou de natureza e origem desconhecidas, e então submetidas a procedimentos físicos e psicológicos de complexidade não-compreendida. Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Abdu%C3%A7%C3%A3o_(ufologia) 
       








Durante anos, muitas pessoas relatam terem sido abduzidas. Temos vários casos impressionantes no Brasil, como por exemplo, o caso Célia T.R, que foi abduzida, aos 22 anos de idade, no dia 10 ou 11 de setembro de 1956 em pleno dia em Niterói no Rio de Janeiro. Este caso foi tema aqui mesmo na Máquina de Mistérios, veja no blogue. Também temos o caso do americano Travis Walton, um lenhador que ficou 5 dias dentro de uma nave e depois foi encontrado em um posto de gasolina, totalmente abalado e com lapso temporal, este caso também foi narrado aqui na Máquina de Mistérios.
                                  Célia T.R.
Em geral, os abduzidos são transportados para bordo de naves, quase sempre na madrugada enquanto dormem ou quando estão sozinhos. Há relatos de pessoas que foram levadas a bordo de naves para fora da atmosfera e até mesmo para planetas desconhecidos.


Os abduzidos quase sempre se esquecem do fenômeno obscuro da abdução e tudo que ocorre durante o período em que se encontram dentro dessas supostas naves. Não se sabe ao certo quantas pessoas são sequestradas por dia ou por ano, apenas estima-se que é há um número crescente de relatos. O motivo é que muitas pessoas nem imaginam que foram sequestradas e levadas por seres extraterrestres, e até passaram por procedimentos cirúrgicos, pois se esquecem de tudo, sua memória é apagada, tem a vaga sensação de que teve um sonho estranho, então seguem a vida normalmente, ocupando sua mente com seus trabalhos, dívidas, dinheiro, vida pessoal.
Os alienígenas não tem distinção para levar as pessoas, pode ser um trabalhador comum, um militar, médico, cientista, qualquer um que sirva aos propósitos ocultos no fenômeno, inclusive você amigo leitor e admirador da Máquina de Mistérios, pois você provavelmente é pesquisador, inquieto, sabe que eles existem.

 
   
                                                                           

Estudiosos do fenômeno da abdução dizem que o motivo desses sequestros só tem um objetivo com o experimento que conduzem em humanos, como experiências genéticas, segundo relatos para aniquilarem a raça humana e terem controle total de nossas mentes e de nossos comportamentos; fecundação de mulheres para gerarem seres híbridos e outros experimentos que desconhecemos o objetivo e o mais medonho é que continuará durante toda a vida do abduzido. Existem casos confirmados de implantes de material desconhecido em pessoas que supostamente foram abduzidos.


    
Como descobrir se realmente fomos abduzidos?
  
Especialistas dizem que através da regressão hipnótica é possível descobrir se fomos abduzidos e o que aconteceu nesse período de sequestro.
 A regressão hipnótica é um método muito utilizado por profissionais preparados e terapeutas para ajudar pessoas que afirmam ter passado pelo fenômeno de abdução, pois permite que as vítimas recuperem a parte de suas memórias que ficou bloqueada por algum tipo de trauma ou propositadamente bloqueada pelos alienígenas.


Hipnose, segundo a atual definição pela Associação Americana de Psicologia, é um estado de consciência que envolve atenção focada e consciência periférica reduzida, caracterizado por uma maior capacidade de resposta à sugestão. É um estado mental (teorias de estado) ou um tipo de comportamento (teorias de não-estado) usualmente induzidos por um procedimento conhecido como indução hipnótica, o qual é geralmente composto de uma série de instruções preliminares e sugestões. O uso da hipnose com propósitos terapêuticos é conhecido como "hipnoterapia" (fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Hipnose ).

Eficiência da hipnose
 Há dúvidas na eficácia da hipnose na ajuda aos abduzidos, pois o hipnotizado pode estar suscetível a induções, persuasão do hipnotizador ou até mesmo não conseguir interpretar o fenômeno.
 Para citar apenas um dos maiores estudiosos do assunto que é o Dr. David M. Jacobs ele é filósofo e doutor em história formado pela Universidade de Winsconsin, Estados Unidos. Pioneiro na pesquisa acadêmica sobre ufologia, Dr. Jacobs iniciou seus estudos na década de 1960, percorrendo os diversos paradigmas até então desenvolvidos por cientistas e pesquisadores afim de verificar a veracidade do fenômeno ufológico e dos inúmeros relatos documentados sobre encontros com óvnis.
Nos últimos anos, dedicou-se ao exame das alegações de abdução por alienígenas, estudando pessoalmente mais de 700 casos. Os cursos de pesquisas e as polêmicas conclusões de Jacobs estão registrados nos livros A vida secreta e A ameaça. Os dois volumes são parte da Coleção Tendências do Milênio. Também recentemente lançou o livro Infiltrados – O plano alienígena para controlar a humanidade-biblioteca Ufo.


                    
                        
Numa entrevista, o doutor David Jacob afirmou: “Nós temos que ter muito cuidado com a hipnose, pois nelas as pessoas dizem coisas que não são verdadeiras.
Nesses casos, elas não estão mentindo, mas interpretando mal as recordações que lhes vem à mente”.
Jacobs sabe do que fala, graças à sua inigualável experiência na área.
“Infelizmente, existem poucos especialistas em hipnose que também tenham conhecimento do fenômeno da abdução.
Eles não distinguem quando o hipnotizado está falando a verdade, mentindo ou se enganando”, finaliza.
Para o renomado autor, muitos ufólogos tendem a acreditar em tudo o que ouvem, quando na verdade o hipnólogo precisa saber o tipo de perguntas que irá fazer e quando deverão ser feitas ao abduzido sob hipnose. Isso é difícil de aprender, ele admite. 

Dr. David Jacob
  
Poderiam alguns “abduzidos” sofrerem de paralisia do sono e pensarem terem sido abduzidos?

 A paralisia do sono é um acontecimento pouco conhecido e que é responsável por causar muito espanto e vários mitos. Ela consiste em uma condição caracterizada por paralisia temporária de todo corpo, que se sucede imediatamente após o despertar, ou mais raramente, logo após adormecer.


Entenda melhor o que é a paralisia do sono e como tratar.

Entendendo a paralisia do sono
Durante o sono mais profundo, chamando de REM, ocorre uma paralisia fisiológica do corpo, conhecida como “atonia REM”, que é responsável por preservar a integridade física do organismo, uma vez que a pessoa pode se mexer enquanto dorme e acabar se machucando.
Esse evento está intimamente relacionado com a paralisia do sono, que ocorre quando o cérebro desperta do estado REM, mas a paralisia corporal persiste. O resultado é que a pessoa fica totalmente consciente, mas incapaz de se movimentar. Para piorar a situação, o indivíduo pode literalmente sonhar acordado, sofrendo alucinações hipnagógicas.


Sonho ou realidade?
 Não é incomum pessoas que sofreram a paralisia do sono relacionarem o episódio como sendo apenas um sonho. Na verdade esse evento explica muitos relatos de sonhos onde as pessoas se veem deitadas na cama e impossibilitadas de se moverem e, de acordo com os cientistas, justifica até mesmo alguns relatos de abduções alienígenas e encontros com fantasmas.
Normalmente as alucinações que costumam acompanhar a paralisia do sono ajudam a aumentar as chances das pessoas que passam pelo problema acharem que tudo não passou de um sonho, pois objetos imaginários aparecem no quarto, se misturando com os objetos normais.


          

Sintomas da paralisia do sono
 O principal sintoma do problema é a paralisia, onde a pessoa é incapaz de mover as partes do corpo ou falar, tendo apenas um controle mínimo sobre a respiração e os olhos. Geralmente ela ocorre assim que a pessoa desperta repentinamente, pois o cérebro pensa que ela continua dormindo e mantém a atonia REM com a pessoa consciente. As alucinações são outro sintoma frequente, mas que não ocorre em todos os casos. É possível que o paciente escute sons estranhos ou sinta a presença de alguém. Essas manifestações são muito parecidas com sonhos.



,
      
Tratamento
 A maioria das pessoas não precisa de tratamento para a paralisia do sono, sendo o suficiente apenas a mudança e eliminação de alguns hábitos simples, que se relacionam com o desenvolvimento do problema. A medida mais importante é melhorar a qualidade do sono, dormido por, no mínimo, 6 horas por noite e tratamento problemas como a ansiedade e insônia, que atrapalham o descanso noturno. Em alguns casos o uso de medicação, como os antidepressivos e estimulantes do sono, podem ajudar a tratar outras doenças de base e prevenir o problema, mas devem ser indicadas por médico especialista.
A paralisia do sono é um problema pouco conhecido e que resulta em episódios extremamente desconfortáveis e assustadores, que muitas vezes podem ser confundidos com sonhos e até mesmo com encontro com fantasmas. Geralmente o problema pode ser prevenido com boas noites de sono e, em casos persistentes, é necessária uma consulta médica para melhor investigação. 
Fonte: Mundo das Tribos

As abduções acontecem realmente ou seria tudo fruto de uma imaginação derivada da paralisia do sono? E se esses sequestros acontecem o que seres tão avançados querem com isso?
Você acredita que os alienígenas estão alterando nosso DNA? E se for assim, a raça humana estaria em extinção? Seria uma guerra silenciosa, uma substituição da raça humana? E você o que faria se fosse abduzido?

Até a próxima amigo, isso se você ainda estiver aqui na terra ou numa nave espacial sendo examinados por seres alienígenas.


www.maquinademisterios.com.br
  

 www.maquinademisterios.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fábrica de Disco Voador?

Fábrica de Discos Voadores: a evolução Outro dia recebi umas fotos de supostos discos voadores e percebi que nas fotos mais antigas...